Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
Breaking News
recent

"DEU NO CARLOS BRITTO: ADALBERTO CAVALCANTI TRABALHA CONTRA AFRÂNIO-PE, DIZ PREFEITO"

Em entrevista exclusiva ao Blog, o prefeito Carlinhos Cavalcanti (PSD) acusou o deputado estadual e seu adversário político Adalberto Cavalcanti (PHS) de trabalhar contra Afrânio.
Segundo Carlinhos, Adaberto teria pedido a parlamentares para não votarem emendas e proposta de recursos para Afrânio. “Quando cheguei a Brasília, escutei do próprio deputado federal Sílvio Costa (PTB) que ele não poderia propor nem votar emendas para garantir recursos a Afrânio, senão Adalberto rachava com ele, revelou Carlinhos, acrescentando que seu primo desafeto pediu o mesmo ao senador Armando Monteiro Neto (PTB).
O prefeito reclamou também do desperdício de tempo do deputado em tentar denegrir a imagem da Prefeitura de Afrânio, e de sua falta de dedicação ao povo. “Até agora em Afrânio não há nenhuma obra oriunda de emendas de Adalberto, ele não faz jus aos 8 mil votos que teve na cidade, o tempo que tem utiliza para ir até a rádio falar mal de mim, dizendo que o poder está nas mãos do Executivo, mas ele (Adalberto) bem sabe que o Legislativo também pode ajudar a cidade”, argumentou.

FONTE: CLIQUE AQUI       




CARLOS CAVALCANTI REBATE DENÚNCIA DE QUE TERIA USADO FOLHA DE PAGAMENTO PARA QUITAR EQUIPAMENTOS e CHAMA DEPUTADO DE "MENTIROSO"


O prefeito de Afrânio (PE), Carlos Cavalcanti (PSD), foi tachativo ao responder sobre a denúncia de que teria usado o dinheiro da folha de pagamento dos servidores do município para pagar uma retroescavadeira.
Segundo Carlinhos, a acusação partiu do deputado Adalberto Cavalcanti (PHS) em uma emissora de rádio de Petrolina. “É mentira dele”, desabafou. O prefeito garantiu que os recursos para os equipamentos agrícolas foram oriundos do Ministério da Agricultura. “Como sempre Adalberto utiliza os meios de comunicação para mais uma denúncia vazia e infundada, eu nunca desviei o recurso da folha, o dinheiro que custeou as retros foram do MDA”, explicou.
Esta não foi a única acusação que o deputado fez ao prefeito na mídia. “Adalberto foi denunciar em Brasília que eu estava dando as 750 cisternas contruídas pelo governo federal em parceria com o município para pessoas que não precisam, mas um fiscal do governo veio e comprovou que somente os necessitados receberam”, concluiu Carlinhos.

FONTE: CLIQUE AQUI

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.